DICAS PARA PAIS DE PRIMEIRA VIAGEM

Tempo de leitura: 3 minutos

É comum surgirem muitas dúvidas quando um casal descobre que estão esperando um bebê, com isso se inicia uma busca desesperada por informações em todos os lugares para que não cometam erros. Confira algumas dicas para pais de primeira viagem!

Após esse período são ouvidos conselhos de quem tem mais experiência, mas mesmo assim parece que falta aprender muitas coisas. É normal que depois do nascimento a atenção de todos se voltem para o bebê, mas os pais também precisam cuidar de si mesmos para poder atender as necessidades da criança.

Os pais vão descobrir juntos como cuidar de seu filho, por que não existe manual de instruções quando se trata de bebês, cada um é de um jeito e os conselhos dados podem servir apenas para amedrontar ainda mais os pais inexperientes.

Separamos algumas dicas para pais de primeira viagem para que não se desesperem nessa aventura que é ser tornar papai e mamãe!

• Divida as tarefas

Nada mais justo, não é verdade? A única tarefa que é exclusivamente da mãe é a de amamentar, o restante podem todas serem divididas entre o pai e a mãe! Desde a troca de fraldas até colocar o neném para arrotar depois de mamar, assim nenhum dos dois fica sobrecarregado.

A ajuda mútua é bom não só para ficarem menos cansados mas também para fortalecer a relação. Os pais passam se comunicam mais, começam a conversar e decidir a divisão de tarefas juntos e as responsabilidades de cada um.

Uma família unida é fundamental para dar apoio aos novos pais, que estão prestes a descobrir um mundo novo cheio de amor e ternura, mas que também dá um certo trabalho.

• Escolha um pediatra de confiança

Essa dica é essencial para quando surgirem dúvidas em relação ao bebê, é muito tranquilizador quando em um momento difícil você tem alguém que possa esclarecer certas coisas que parecem muito complicadas.

Um pediatra atencioso e disposto a ajudar a esclarecer o que vocês não entendem, mesmo que parece uma coisa óbvia e boba. Ter em mãos o telefone do seu pediatra caso ocorra alguma emergência também é muito importante.

Se o pediatra que você escolheu está sempre colocando dificuldades, é impaciente no atendimento ou que você percebe não se importar com vocês e o bebê, é melhor procurar um profissional de verdade e que seja mais humano para lidar com pessoas!

• Peça ajuda

Para muitas pessoas isso pode ser difícil, vocês podem achar que o bebê é responsabilidade de vocês e que ninguém deve ser incomodado por isso, mas estão enganados! Ao redor tem muitas pessoas dispostas a ajudar no que for necessário.

Geralmente são pessoas que já passaram por isso e sabem das dificuldades, como os vovôs e vovós, por exemplo. Buscar o auxílio de pessoas mais experientes quando vocês não souberem o que fazer não significa que vocês sejam maus pais, mas que vocês estão em processo de aprendizagem para serem pais melhores!

Gostou de nossas dicas? Quer contribuir com o tema? Deixe seu comentário, vamos conversar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *